Buscar
  • Equipe CCJB

Câncer de mama: faça da informação uma aliada no combate à doença


Há mais de 20 anos, a campanha Outubro Rosa promove a conscientização sobre o câncer de mama. Apesar disso, a desinformação ainda é a principal barreira a ser superada no combate à doença.


Ao contrário do que muitos pensam, o câncer de mama não é hereditário. A genética pode representar fator de risco aumentado, mas, de acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia, mais de 80% dos casos de câncer de mama não contam com histórico familiar prévio.

Outra grande dúvida sobre a doença é se seria possível preveni-la. Estima-se que cerca de 30% dos casos de câncer de mama poderiam ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis, como: manter o peso adequado, alimentação equilibrada e prática regular de atividades físicas.


Amamentação e controle do uso de hormônios sintéticos, como pílulas anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal, também contribuem para redução dos riscos de desenvolver a doença.


Independentemente da idade, é fundamental que a mulher esteja atenta ao próprio corpo para reconhecer suas variações naturais e identificar alterações suspeitas.


Todas essas orientações, aliadas a visitas regulares ao médico, ajudam no diagnóstico precoce da doença, bem como, aumentam as chances de sucesso nos tratamentos.

O CCJB conta com um quadro completo de profissionais qualificados que estão prontos para atender às suas necessidades e esclarecer quaisquer dúvidas a respeito da doença.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo